RESENHA CRÍTICA: O Sequestro (Kidnap)

Fitinha B de ação, banal e abaixo da crítica

21/09/2017 16:43 Por Rubens Ewald Filho
RESENHA CRÍTICA: O Sequestro (Kidnap)

tamanho da fonte | Diminuir Aumentar

O Sequestro (Kidnap)

EUA, 17. 95 min. Direção de Luis Pietro. Roteiro de Knate Lee. Com Halle Berry, Sage Correa, Chris McGinn, Jason George, Lew Temple, Christopher Berry, Rodado em New Orleans. Orçamento 21 milhões de dólares. Renda 27 milhões.

Quem anda sem sorte e sem rumo, é a bela vencedora do Oscar Halle Berry, que depois de ter várias confusões românticas mal resolvidas, insistiu em aceitar esta fitinha B de ação, banal e abaixo da crítica. Nascida em 1966, ela ainda é uma bela figura que não tem ideia de arranjar personagens mais interessantes e profundos. Fez mal em sair do X-Men! E tem como projetos agora K’ings’ (história de uma família na região chamada de South Central, que entra em crise quando estoura o julgamento e a decisão do caso de Rodney King em 1992. O papel central é de Daniel Craig). O outro filme se chama Kingsman, o Círculo Dourado e é a continuação do delicioso Kingsman com o mesmo elenco (Colin Firth, Taron Egerton, Chaning Tatum, Julianne Moore, Jeff Bridges, Elton John, previsto para estrear já em setembro, ou seja, muito em breve).

Que bom então que podemos esquecer este equivoco e divulgar qual é a causa. O estúdio rodou o filme em outubro de 14 mas abriu falência e tiveram que mudar a data de estreia (originalmente outubro de 2015, depois adiado mais dois anos!). A divulgação abre afirmando que nos Estados Unidos, a cada 40 segundos uma criança é sequestrada (obrigado, nem ouso em querer saber do que sucede por aqui, chega de tragédia!). Ah, o diretor aqui é espanhol como se pode imaginar por seu nome e carreira (Contra o Tempo/Pusher,12, é o único que passou por aqui).

O filme é basicamente uma longa perseguição de carro, com a mãe desesperada a quando descobre que sua única criança foi sequestrada. Chama-se Karla Dyson e é garçonete de casa de lanche em New Orleans, Louisiana. A criança é um menino de 6 anos, Frankie (Sage). Karle deixa Frankie um momento só para falar no celular com seu advogado de divórcio quando o garoto é sequestrado por uma dupla Margo e Terry que fogem num carro antigo, um Ford Mustang de 1980 enquanto ela tem uma minivan. Nessa situação, a heroína provoca um acidente grave onde derruba um pedestre e um policial de moto, mas por absurdo que pareça ninguém toma qualquer providência. O resto do filme é mais perseguição (e ficamos sabendo que é uma quadrilha que sequestra crianças em três estados para vendê-las no Mercado Negro). E olhe que estamos lhe poupando algumas cenas ridículas e risíveis.

Linha
tamanho da fonte | Diminuir Aumentar
Linha

Sobre o Colunista:

Rubens Ewald Filho

Rubens Ewald Filho

Rubens Ewald Filho é jornalista formado pela Universidade Católica de Santos (UniSantos), além de ser o mais conhecido e um dos mais respeitados críticos de cinema brasileiro. Trabalhou nos maiores veículos comunicação do país, entre eles Rede Globo, SBT, Rede Record, TV Cultura, revista Veja e Folha de São Paulo, além de HBO, Telecine e TNT, onde comenta as entregas do Oscar (que comenta desde a década de 1980). Seus guias impressos anuais são tidos como a melhor referência em língua portuguesa sobre a sétima arte. Rubens já assistiu a mais de 30 mil filmes entre longas e curta-metragens e é sempre requisitado para falar dos indicados na época da premiação do Oscar. Ele conta ser um dos maiores fãs da atriz Debbie Reynolds, tendo uma coleção particular dos filmes em que ela participou. Fez participações em filmes brasileiros como ator e escreveu diversos roteiros para minisséries, incluindo as duas adaptações de “Éramos Seis” de Maria José Dupré. Ainda criança, começou a escrever em um caderno os filmes que via. Ali, colocava, além do título, nomes dos atores, diretor, diretor de fotografia, roteirista e outras informações. Rubens considera seu trabalho mais importante o “Dicionário de Cineastas”, editado pela primeira vez em 1977 e agora revisado e atualizado, continuando a ser o único de seu gênero no Brasil.

Linha
Todas as máterias

Efetue seu login

O DVDMagazine mantém você conectado aos seus amigos e atualizado sobre tudo o que acontece com eles. Compartilhe, comente e convide seus amigos!

E-mail
Senha
Esqueceu sua senha?

Não é cadastrado?

Bem vindo ao DVDMagazine. Ao se cadastrar você pode compartilhar suas preferências, comentar ou convidar seus amigos para te "assistir". Cadastre-se já!

Nome Completo
Sexo
Data de Nascimento
E-mail
Senha
Confirme sua Senha
Aceito os Termos de Cadastro
30 fotos grátis na 1a compra BF3