RESENHA CRÍTICA: Gringo: Vivo ou Morto (Gringo)

Uma aventura policial de rotina, com pretensões ocasionais ao fazer comédia e zombar dos mexicanos

04/05/2018 17:36 Por Rubens Ewald Filho
RESENHA CRÍTICA: Gringo: Vivo ou Morto (Gringo)

tamanho da fonte | Diminuir Aumentar

Gringo: Vivo ou Morto (Gringo)

EUA, 18. 1h51 min. Direção de Nash Edgerton. Roteiro de Anthony Tambakis, Matthew Stone. Com Joel Edgerton, Charlize Theron, David Oyelowo, Thandie Newton, Melonie Diaz, Bashir Salahuddin, Amanda Seyfried, Theo Taplitz, Paris Jackson, Sharito Copley, Alan Ruck. Uma produção da Amazon.

A Família Edgerton, que veio da Austrália, faz boa carreira americana. O galã e ocasional diretor Joel, foi ator em O Grande Gatsby, Operação Red Sparrow, Ao Cair da Noite, mas também fez dois longas como realizador (O Presente, o ainda inédito Boy Erased).Como é bom irmão de família, para este filme chamou o irmão Nash como diretor e co roteirista, embora ele seja mais conhecido com dublê de stunts, e fez um único longa antes, O Quadrado (08). Além de ter 48 créditos como ator e ser aqui também o produtor (aliás Charlize Theron também assina como produtora enquanto faz um papel de loira brega e perigosa, capaz de tudo!).

Rodado em Lisle, Naperville, Chicago, todos em Illinois, Santa Clarita, Califórnia, Vera Cruz e Cidade do México, no México. Não foi bem de bilheteria ao não ultrapassar os cinco milhões de dólares. Na verdade, eu devia ter sido mais esperto e perceber que o filme não era um novo Em Ritmo de Fuga (Baby Driver), ou seja, uma diversão criativa, corajosa, engraçada e boa de assistir. Infelizmente este aqui apesar de Charlize e num papel muito pequeno a Amanda Seyfrid, que por algum motivo teve sua carreira truncada, é uma aventura policial de rotina, com pretensões ocasionais ao fazer comédia e zombar dos mexicanos (há uma piada recorrente boa sobre os Beatles). Tudo muito previsível (por exemplo, o herói sofre duas trombadas de carros muito parecidas), aliás a grande decepção para mim foi com o ator inglês David Oyelowo, que é super famoso e respeitado mas aqui cai numa caricatura discutível. Na verdade, ele é o herói da história, mas totalmente incompetente e burro incapaz de perceber os truques e traições do amigo chefe da empresa onde trabalha e principalmente de sua mulher infiel.

Cheguei a ler algumas criticas americanas positivas, mas estão equivocados, é um filme B que não tem “pernas” como se dizia antigamente. O que é uma pena.

Linha
tamanho da fonte | Diminuir Aumentar
Linha

Sobre o Colunista:

Rubens Ewald Filho

Rubens Ewald Filho

Rubens Ewald Filho é jornalista formado pela Universidade Católica de Santos (UniSantos), além de ser o mais conhecido e um dos mais respeitados críticos de cinema brasileiro. Trabalhou nos maiores veículos comunicação do país, entre eles Rede Globo, SBT, Rede Record, TV Cultura, revista Veja e Folha de São Paulo, além de HBO, Telecine e TNT, onde comenta as entregas do Oscar (que comenta desde a década de 1980). Seus guias impressos anuais são tidos como a melhor referência em língua portuguesa sobre a sétima arte. Rubens já assistiu a mais de 30 mil filmes entre longas e curta-metragens e é sempre requisitado para falar dos indicados na época da premiação do Oscar. Ele conta ser um dos maiores fãs da atriz Debbie Reynolds, tendo uma coleção particular dos filmes em que ela participou. Fez participações em filmes brasileiros como ator e escreveu diversos roteiros para minisséries, incluindo as duas adaptações de “Éramos Seis” de Maria José Dupré. Ainda criança, começou a escrever em um caderno os filmes que via. Ali, colocava, além do título, nomes dos atores, diretor, diretor de fotografia, roteirista e outras informações. Rubens considera seu trabalho mais importante o “Dicionário de Cineastas”, editado pela primeira vez em 1977 e agora revisado e atualizado, continuando a ser o único de seu gênero no Brasil.

Linha
Todas as máterias

Efetue seu login

O DVDMagazine mantém você conectado aos seus amigos e atualizado sobre tudo o que acontece com eles. Compartilhe, comente e convide seus amigos!

E-mail
Senha
Esqueceu sua senha?

Não é cadastrado?

Bem vindo ao DVDMagazine. Ao se cadastrar você pode compartilhar suas preferências, comentar ou convidar seus amigos para te "assistir". Cadastre-se já!

Nome Completo
Sexo
Data de Nascimento
E-mail
Senha
Confirme sua Senha
Aceito os Termos de Cadastro