RESENHA CRÍTICA: Bom Comportamento (Good Time)

Não chega a ser um filme horrível e tem certa garra

19/10/2017 14:52 Por Rubens Ewald Filho
RESENHA CRÍTICA: Bom Comportamento (Good Time)

tamanho da fonte | Diminuir Aumentar

Bom Comportamento (Good Time)

EUA, 17. 1h41min. Direção de Benny Safdie, Joshua Safdie. Com Robert Pattinson, Ben Safdie, Jennifer Jason Leigh, Necro, Taliah Webster, Peter Verby.

É engraçado como até hoje os jornalistas supostamente mais sofisticados e bem informados ainda caem na conversa dos agentes e divulgadores, cujo metier justamente é inventar histórias e fábulas para aumentar o interesse de seus clientes. Foi o que sucedeu no último Festival de Cannes quando começou um ruído afirmando que esta era a melhor interpretação da carreira do britânico Robert Pattinson, que nunca teria estado melhor do que neste modesto filme americano feito por dois irmãos independentes, os Safdie (Benny que é mais ator e faz o personagem de Nick Nikas, que no começo da história cria confusão e violência. Curiosamente Pattinson deve ter parente porque seu nome nos créditos é Connie Nikas). Os dois assinam a direção, mas o outro Joshua é que tem a figura mais importante (Josh aparece com crédito de 15 outros filmes entre curtas, 15, e longas como diretor,18).

Mas o grande carnaval foi armado justamente em volta de Pattinson, na expectativa de ter ainda sobrado algum prestígio para o rapaz desde os tempos em que ele fazia sucesso com a Saga Crepúsculo. Não gosto do rapaz justamente porque ele aparenta ter alguma doença ou deformidade nos olhos que parecem sempre fora de foco ou desfocados, aliás como sucede neste filme, basicamente uma história policial Classe B, de orçamento muito baixo e onde Pattinson não apresenta nada de especial ou aberrante.

Feito com restrições de orçamento, é sobre um assalto feito por dois rapazes, em que um deles tenta libertar o seu irmão da prisão de Rikers Island, para depois escapar pelas ruas da cidade, se envolvendo em maiores confusões com uma adolescente negra (que está com sua avó). Jennifer Jason Leigh que voltou a moda desde Tarantino tem também uma participação pequena ao se envolver no caso. Mas basicamente é uma sucessão de impasses e confusões, de violência mal realizada, e um estilo modesto de violência (em ambientes fechados, gritados, violentos alternando-se no clímax que é numa espécie de parque de diversão decadente). Não chega a ser um filme horrível e tem certa garra (porrada em cima de violência), mas Pattinson não é um dos fortes, os coadjuvantes são até mais convincentes. Sua carreira não termina por aí, anunciam no IMDB outros cinco novos projetos.

Linha
tamanho da fonte | Diminuir Aumentar
Linha

Sobre o Colunista:

Rubens Ewald Filho

Rubens Ewald Filho

Rubens Ewald Filho é jornalista formado pela Universidade Católica de Santos (UniSantos), além de ser o mais conhecido e um dos mais respeitados críticos de cinema brasileiro. Trabalhou nos maiores veículos comunicação do país, entre eles Rede Globo, SBT, Rede Record, TV Cultura, revista Veja e Folha de São Paulo, além de HBO, Telecine e TNT, onde comenta as entregas do Oscar (que comenta desde a década de 1980). Seus guias impressos anuais são tidos como a melhor referência em língua portuguesa sobre a sétima arte. Rubens já assistiu a mais de 30 mil filmes entre longas e curta-metragens e é sempre requisitado para falar dos indicados na época da premiação do Oscar. Ele conta ser um dos maiores fãs da atriz Debbie Reynolds, tendo uma coleção particular dos filmes em que ela participou. Fez participações em filmes brasileiros como ator e escreveu diversos roteiros para minisséries, incluindo as duas adaptações de “Éramos Seis” de Maria José Dupré. Ainda criança, começou a escrever em um caderno os filmes que via. Ali, colocava, além do título, nomes dos atores, diretor, diretor de fotografia, roteirista e outras informações. Rubens considera seu trabalho mais importante o “Dicionário de Cineastas”, editado pela primeira vez em 1977 e agora revisado e atualizado, continuando a ser o único de seu gênero no Brasil.

Linha

relacionados

Todas as máterias

Efetue seu login

O DVDMagazine mantém você conectado aos seus amigos e atualizado sobre tudo o que acontece com eles. Compartilhe, comente e convide seus amigos!

E-mail
Senha
Esqueceu sua senha?

Não é cadastrado?

Bem vindo ao DVDMagazine. Ao se cadastrar você pode compartilhar suas preferências, comentar ou convidar seus amigos para te "assistir". Cadastre-se já!

Nome Completo
Sexo
Data de Nascimento
E-mail
Senha
Confirme sua Senha
Aceito os Termos de Cadastro
30 fotos grátis na 1a compra BF3